Música

O que é que preciso de saber sobre a música digital?

Os jovens sempre foram apaixonados pela música, mas actualmente isso não corresponde apenas a ouvir rádio ou CDs ou a ir a concertos.

Actualmente, ouvem música em “streaming” na internet e nos telemóveis em sítios como o Spotify, descarregam-na para os seus leitores de MP3 e outros dispositivos a partir de lojas de música online como o iTunes ou serviços como o Vodafone 360, e partilham-na com outros.

Segundo a BPI, no Reino Unido, 95% dos singles são actualmente comprados sob a forma de descarregamentos digitais e a Apple anunciou no início de 2010 que tinham sido vendidas 10 mil milhões de músicas no iTunes

Os seus filhos podem mesmo ser músicos florescentes, a criar e publicar a sua própria música online no YouTube ou em redes sociais como o Facebook.

Embora seja bom que as crianças e adolescentes estejam a tirar partido da tecnologia para alimentar os seus interesses, deve torná-los cientes das implicações legais e de segurança associadas ao descarregamento e partilha das suas faixas de música favoritas, em particular.

Alguns jovens estão a infringir os direitos de autor ao acederem a, descarregarem e partilharem música através de sítios peer-to-peer. Podem nem saber que estão a fazer algo de errado.

Sabia que?

Num inquérito feito a jovens entre 14 e 24 anos realizado pela UK Music em 2009, 86 por cento dos respondentes disseram já ter copiado um CD para um amigo; 75 por cento disseram já ter enviado música via e-mail, Bluetooth, Skype ou MSN; 57 por cento disseram já ter copiado toda a colecção de música de um amigo; 39 por cento disseram já ter descarregado música de um sítio de armazenamento de ficheiros; e 38 por cento disseram já ter ripado um “stream” de TV, rádio ou internet

  • Assegure-se de que os seus filhos estão a utilizar sítios de descarregamento e “streaming” de música legais – leia o nosso artigo sobre descarregamentos e direitos de autor para que possa falar com eles sobre as implicações legais e de segurança associadas ao descarregamento de música
  • Peça que lhe mostrem alguns dos seus sítios de música favoritos e (se nunca o fez) descarregue algumas faixas para saber como funcionam
  • Fale com os seus filhos sobre os preços de subscrições e descarregamentos de música para que compreendam que podem atingir custos elevados
  • Verifique a política em relação a “música explícita” dos serviços que os seus filhos utilizam – todas as músicas que contenham letras explícitas devem estar identificadas como tal antes de serem descarregadas

Onde me posso dirigir para obter mais informação e apoio?

Que idade têm os seus filhos?

O que precisa para começar

  • 5-7 anos

    A tecnologia faz parte da vida dos seus filhos antes de iniciarem o ensino primário. Provavelmente utilizam o computador, a internet e a televisão interactiva por divertimento, para ver programas no canal de televisão e no website CBeebies ou para a participar nas salas de conversação do "Club Penguin"... no entanto, necessitam ainda da orientação e supervisão de adultos.

  • 8-11 anos

    Se tiver filhos com 8 a 11 anos de idade, a sua casa está provavelmente repleta de tecnologia: a PlayStation, a Nintendo, o iPod… a lista continua. De facto, estudos mostram que crianças entre os 8 e os 11 anos de idade no Reino Unido têm em média quatro equipamentos no seu quarto.

    Esta idade é decisiva para os jovens adoptarem novas tecnologias e desenvolver as suas capacidades na área das tecnologias da informação, tanto em casa como na escola… e é também uma altura decisiva para você assumir o controlo quando eles começam a explorar o mundo digital, bem como o mundo real.

  • 12-14 anos

    Frequentam o ensino básico e estão a crescer rapidamente. É uma altura de mudança e o seu mundo digital pode parecer-lhes tão importante como o mundo real. Podem passar a noite no Bebo, no Facebook ou no MySpace, a ver vídeos no YouTube e a carregar os seus próprios vídeos para outros os verem; ou a pesquisar para os trabalhos de casa.

    Com certeza pretende estimular as suas capacidades em termos de tecnologia e socialização, portanto é útil perceber o que eles fazem com a tecnologia e envolver-se também com ela.

  • +15 anos

    Na adolescência, os seus filhos tendem a pensar que percebem muito de tecnologia e que são capazes de lidar com tudo aquilo com que se deparam no mundo digital. Provavelmente assiste com espanto à forma como intercalam a conversa com os amigos no Facebook , como actualizam o perfil no Twitter, como jogam com alguém do outro lado do mundo na consola ou como transferem músicas para o telemóvel.

    Tudo representa divertimento. Porém, à medida que ficam mais velhos, aquilo de que você necessita para lidar com o mundo digital dos seus filhos torna-se ainda mais desafiante. Em vez de os deixar, precisa, de facto, de continuar a comunicar com eles.

Teste os seus conhecimentos

O utilizador médio do Facebook tem 130 amigos no seu perfil

Faça o nosso teste para ficar a saber em que medida compreende as novas tecnologias. É rápido e fácil e irá ajudá-lo a decidir quais as partes do website que irá visitar.