Você está aqui: Início / Envolva-se e mantenha o controlo da situação / Roubo de telemóveis e prevenção de acidentes

Roubo de telemóveis e prevenção de acidentes

O que é que preciso de saber sobre roubo de telemóveis e prevenção de acidentes?

Os telemóveis são frequentemente valiosos e podem, infelizmente, ser cobiçados por ladrões. Centenas de milhares de telemóveis são roubados todos os anos na Europa e, só no Reino Unido, a Polícia Metropolitana estima que 10 000 telemóveis sejam roubados todos os meses e que dois terços das vítimas tenham entre 13 e 16 anos.

Ouça neste vídeo o que outras famílias estão a dizer sobre roubo de telemóveis e prevenção de acidentes:

Embora os telemóveis permitam que você e os seus filhos se mantenham em contacto e se sintam mais seguros, os nossos próprios estudos em cinco países Europeus, realizados em 2007, mostraram que o roubo de telemóveis é um dos principais receios dos pais ao ponderarem adquirirem telemóveis para os filhos.

Para além do impacto emocional de serem vítimas de um crime, o roubo de telemóveis desliga os jovens dos amigos e pode significar que o ladrão terá acesso ao seu livro de endereços, às suas mensagens de texto, às suas fotografias e (se o telemóvel tiver acesso à internet) a coisas como o seu perfil numa rede social.

Se anotou o número IMEI único do seu telemóvel, o seu operador de redes móveis pode bloquear utilização do telemóvel no caso de ter sido roubado. No Reino Unido, empresas como a Vodafone partilham informações sobre telemóveis roubados com o Registo Central da Identidade de Equipamentos da Associação GSM para que outras redes possam impedir que o telemóvel seja utilizado.

É importante que denuncie um roubo imediatamente, uma vez que será responsável pelo custo de quaisquer chamadas ou mensagens de texto até que o roubo seja denunciado e o telemóvel seja bloqueado. Se o seu operador de redes móveis souber que o telemóvel dos seus filhos foi roubado, pode activar o número de telemóvel dos seus filhos num cartão SIM de substituição.

Para além do roubo do telemóvel, pode recear que os seus filhos tenham um acidente enquanto estejam a utilizar o telemóvel ou outro dispositivo portátil, como um leitor de MP3. Por exemplo, se estiverem a andar a pé ou de bicicleta, pode ser perigoso enviar mensagens de texto, fazer uma chamada ou ouvir música, uma vez que estarão menos atentos ao que se passa em seu redor. Se tiverem mais de 17 anos, precisam de compreender que é ilegal utilizar um telemóvel ou outro dispositivo semelhante enquanto estão a conduzir.

Assim que os seus filhos adquirirem um telemóvel novo:

  • Registe-o junto do seu operador de redes móveis
  • Anote o número de telemóvel, o modelo, o número do cartão SIM e o número IMEI único (pressione *#06# ou veja por baixo da bateria para o encontrar)
  • Defina um bloqueio PIN no teclado (veja as instruções no manual)
  • Mantenha uma cópia de segurança do livro de endereços e de outros conteúdos armazenados no telemóvel
  • Grave o seu código postal com raios UV no equipamento – alguns operadores de redes móveis disponibilizam este serviço
  • Certifique-se de que o equipamento tem seguro
  • No Reino Unido, registe o telemóvel no Registo Nacional de Propriedade em www.immobilise.com
  • Fale com os seus filhos sobre os potenciais riscos do roubo de telemóveis e dos acidentes

Para dissuadir os ladrões, ensine os seus filhos a:

  • Tratarem o telemóvel como uma carteira ou bolsa e a manterem o mesmo fora de vista quando saírem de casa
  • Nunca abandonarem o telemóvel
  • Evitarem utilizar o telemóvel quando estão sozinhos ou no meio de grandes multidões, onde poderá haver distracções
  • Darem o telemóvel se forem ameaçados por alguém que o queira roubar

Para prevenir acidentes, ensine os seus filhos a:

  • Nunca utilizarem o telemóvel ou outros dispositivos portáteis quando estiverem a andar a pé ou de bicicleta
  • Utilizarem equipamento mãos-livres se possível
  • Cumprirem as leis do Reino Unido em relação a dispositivos portáteis de utilização manual quando estiverem a conduzir (se tiverem mais de 17 anos)

Se o telemóvel dos seus filhos for roubado:

  • Denuncie imediatamente o roubo ao seu operador de redes móveis (por exemplo, Vodafone)
  • Denuncie o roubo também à polícia e à sua seguradora
  • Para obter apoio gratuito e confidencial após um roubo, contacte, no Reino Unido, a Victim Support

Onde me posso dirigir para obter mais informação e apoio?

Que idade têm os seus filhos?

O que precisa para começar

  • 5-7 anos

    A tecnologia faz parte da vida dos seus filhos antes de iniciarem o ensino primário. Provavelmente utilizam o computador, a internet e a televisão interactiva por divertimento, para ver programas no canal de televisão e no website CBeebies ou para a participar nas salas de conversação do "Club Penguin"... no entanto, necessitam ainda da orientação e supervisão de adultos.

  • 8-11 anos

    Se tiver filhos com 8 a 11 anos de idade, a sua casa está provavelmente repleta de tecnologia: a PlayStation, a Nintendo, o iPod… a lista continua. De facto, estudos mostram que crianças entre os 8 e os 11 anos de idade no Reino Unido têm em média quatro equipamentos no seu quarto.

    Esta idade é decisiva para os jovens adoptarem novas tecnologias e desenvolver as suas capacidades na área das tecnologias da informação, tanto em casa como na escola… e é também uma altura decisiva para você assumir o controlo quando eles começam a explorar o mundo digital, bem como o mundo real.

  • 12-14 anos

    Frequentam o ensino básico e estão a crescer rapidamente. É uma altura de mudança e o seu mundo digital pode parecer-lhes tão importante como o mundo real. Podem passar a noite no Bebo, no Facebook ou no MySpace, a ver vídeos no YouTube e a carregar os seus próprios vídeos para outros os verem; ou a pesquisar para os trabalhos de casa.

    Com certeza pretende estimular as suas capacidades em termos de tecnologia e socialização, portanto é útil perceber o que eles fazem com a tecnologia e envolver-se também com ela.

  • +15 anos

    Na adolescência, os seus filhos tendem a pensar que percebem muito de tecnologia e que são capazes de lidar com tudo aquilo com que se deparam no mundo digital. Provavelmente assiste com espanto à forma como intercalam a conversa com os amigos no Facebook , como actualizam o perfil no Twitter, como jogam com alguém do outro lado do mundo na consola ou como transferem músicas para o telemóvel.

    Tudo representa divertimento. Porém, à medida que ficam mais velhos, aquilo de que você necessita para lidar com o mundo digital dos seus filhos torna-se ainda mais desafiante. Em vez de os deixar, precisa, de facto, de continuar a comunicar com eles.

Teste os seus conhecimentos

O utilizador médio do Facebook tem 130 amigos no seu perfil

Faça o nosso teste para ficar a saber em que medida compreende as novas tecnologias. É rápido e fácil e irá ajudá-lo a decidir quais as partes do website que irá visitar.